Organização do Trabalho Pedagógico Escolar
Disciplinas e Áreas
Celem
Biblioteca
Publicações Órgãos Colegiados da Escola Destaques da Educação Bartolomeu Notícias Espaço da Escola Espaço dos Educandos Concursos, Cursos e Eventos Boletim Escolar Matrículas e Resultados Informática, Tecnologias e Downloads Dicas de Trânsito Prestação de Contas Fale Conosco Mural de Recados Procuro você Utilidade Pública

Quantidade de Páginas visitadas





- FIQUE LIGADO -

- - -

- Luz - - - Isaac Newton -

- Energia Nuclear - - - Teoria da Relatividade - - - Colisão -

- Aceleradores de Partículas - - - Nanômetro -


- Luz -

A Luz é o fenômeno mais rápido do universo. Uma onda de luz consiste de energia na forma de campos elétricos e magnéticos.

Das luzes visíveis, o violeta tem elétricos e magnéticos mais energia e o vermelho tem menos.

As ondas de luz se movem no vácuo em sua velocidade máxima, que é de 300 mil km/s, o que faz da luz o fenômeno mais rápido do universo.

Qualquer coisa que produz luz energiza atómos de alguma forma.

Uma onda refletida sempre sai da superfície de um material num ângulo igual ao da onda incidente que atingiu a superfície. Na física, isto é chamado de Lei da Reflexão.

Em alguns casos, a frequência da onda de luz incidente é próxima ou igual à frequência de vibração dos elétrons do material.

Se a frequência ou energia da onda de luz incidente for muito maior ou muito menor do que a frequência necessária para fazer os elétrons do material vibrarem, então eles não irão capturar a energia da luz e a onda passará através do material sem ser modificada. Dessa forma, o material será transparente para aquela frequência de luz.

O tamanho da inclinação ou ângulo de refração da onda de luz depende do quanto o material diminui a velocidade da luz. Os diamantes não seriam tão brilhantes se não retardassem bem mais a luz incidente do que, digamos, a água. O índice de refração dos diamantes é maior do que o da água, o que quer dizer que eles diminuem a velocidade da luz para um grau incrível.

Para Einstein a luz era feita de uma corrente de pacotes de energia chamados fótons.

Isaac Newton fez a luz do sol passar por um prisma de vidro para separar as cores num espectro de arco-íris, depois passou a luz por um segundo prisma de vidro e uniu os dois arco-íris. Esta união produziu luz branca, provando que ela é uma mistura de cores ou uma mistura de luzes de freqüências diferentes.

-  -


- Isaac Newton -

Tímido, educado pela avó na infância, o físico e matemático inglês Isaac Newton (1642-1727) formulou as leis da Mecânica. Foi aluno e professor da Universidade de Cambridge, e também se interessava por astrologia e teologia.

Newton concluiu que a Terra atrai a maçã, assim como o Sol atrai os planetas, quando viu uma maçã despencar da árvore.

Aos 30 anos Newton foi eleito membro da Real Academia de Ciência de Londres.

Princípios Matemáticos da Filosofia Natural - título do livro mais importante de Isaac Newton,  publicado em 1686.

Primeira Lei de Newton - na ausência de forças, um corpo em repouso continua em repouso e um corpo em movimento move-se em linha reta, com velocidade constante.

A Terceira Lei de Newton também tem o nome de Lei da Ação e Reação.

-  -


- Energia Nuclear -

O uso da energia nuclear continua sendo polêmico, ainda que em alguns países as usinas nucleares sejam fontes fundamentais da geração de eletricidade.

As bombas nucleares podem ser de fissão ou de fusão nuclear.

Na geração da energia nuclear, o significado de enriquecer uma amostra de urânio é acrescentar à amostra uma porcentagem de urânio-235, um combustível instável.

França - país que tem atualmente a maior parte de sua eletricidade gerada a partir da energia nuclear.

A energia nuclear tem fonte não-renovável, semelhante à energia de petróleo e derivados.

O Brasil produz e consome energia nuclear. As usinas nucleares de Angra dos Reis produzem energia por fissão nuclear.

O urânio enriquecido fornece energia a submarinos nucleares.

Na fusão nuclear, dois ou mais núcleos reagem para formar um novo elemento, mais pesado, com grande liberação de energia.

-  -


- Teoria da Relatividade -

Albert Einstein - físico alemão é o autor da Teoria da Relatividade.

Espaço - é uma das propriedades fundamentais do universo que permite que os objetos tenham três dimensões.

Dizer que 'não existe um tempo absoluto', significa que para cada observador, se ele está parado ou em movimento, existem tempos diferentes. Este é um postulado da Teoria da Relatividade Restrita.

Água também é matéria e pode gerar energia.

Em 1905 e 1916 são as datas que foram publicadas a Teoria da Relatividade Restrita e a Teoria da Relatividade Geral, respectivamente.

E=mc² - A massa pode ser convertida em energia e vice-versa; A energia é igual à massa multiplicada pela velocidade da luz ao quadrado e A energia de um corpo é proporcional à massa de um corpo.

-  -


- Colisão -

Colisão nem sempre é tragédia. Na física, o comportamento de corpos em colisão se relaciona com o tema da conservação da quantidade de movimento.

Elástica - é o tipo de colisão entre dois corpos que conserva a energia cinética dos sistema, antes e depois do choque.

Num sistema isolado, qualquer que seja a colisão, a quantidade de movimento dos corpos se mantém igual, antes e após a colisão.

Colisão direta e elástica - num jogo de sinuca, quando a bola branca, a 2 m/s atinge a bola verde, de massa idêntica, que está em repouso, a bola verde se move com velocidade de 2 m/s e a bola branca entra em repouso.

Joule (J) - unidade do Sistema Internacional que mede a energia cinética dos corpos em colisão.

Um trator colide frontalmente com um automóvel que surge na contramão. O automóvel tem menor massa e velocidade maior que a do trator. Essa colisão é do tipo inelástica, com valores diferentes de energia cinética, antes e depois da colisão e as velocidades do trator e do automóvel se anulam após o choque. 

-  -

- Aceleradores de Partículas -

Os aceleradores de partículas são equipamentos que tentam deixar mais claro o átomo e suas partes.

Os aceleradores de partículas podem pegar uma partícula, tal como um elétron, acelerá-lo até quase a velocidade da luz, colidi-lo com um átomo e dessa forma descobrir suas partes internas.

O pósitron é a primeira partícula antimatéria - como um elétron, mas carregado positivamente.

Na década de 1930, os cientistas investigaram os raios cósmicos. Quando estas partículas altamente energéticas (prótons) do espaço exterior atingiam átomos de chumbo, (por exemplo: os núcleos dos átomos) muitas partículas minúsculas eram pulverizadas.

Os físicos logo construíram aparelhos chamados de aceleradores de partículas ou quebradores de átomos. Nesses aparelhos você acelera as partículas até altas velocidades (altas energias cinéticas) e as colide com os átomos-alvo.

Os tubos de raios cátodos (CRT) de qualquer TV ou monitor de computador são, na verdade, um acelerador de partículas.

Existem dois tipos básicos de aceleradores de partículas: linear e circular.

O vácuo é importante para o acelerador de partículas por isso deve ser mantido nos aceleradores por duas razões: para evitar descarga de faíscas causadas pelas microondas no ar e a perda de energia que ocorreria se o feixe colidisse com as moléculas de ar.

Os detectores são uma das mais importantes partes do equipamento no acelerador. Eles vêem as partículas e a radiação depois da colisão. Existem vários tipos de detectores, desde câmaras de bolhas e névoa até detectores eletrônicos em estado sólido.

Os quarks são partículas elementares que ajudam a manter o núcleo unido.

Os técnicos não ficam nos túneis enquanto os aceleradores operam, e as salas de controle são blindadas com concreto. Além da radiação, as próprias partículas energizadas apresentam perigo para a saúde humana. As estruturas do acelerador geralmente são localizadas em túneis de concreto, no subsolo.

-  -

- Nanômetro -

Um nanômetro é a subunidade do metro, correspondente a 1,0 × 10−9 metros, ou seja,

um milionésimo de milímetro
ou
um bilionésimo do metro
 
Tem como símbolo nm
 
É uma unidade de comprimento do SI, usada para medição de comprimentos de onda de luz visíve (400 nm a 700 nm), radiação ultravioleta, radiação infravermelha e radiação gama, entre outras coisas.

-  -

- Página Inicial - - - Física -





















Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito